A EVOLUÇÃO DO PODER DE COMPRA DO SALÁRIO MÍNIMO NO BRASIL, DE 2003 A 2017, EM RELAÇÃO A INFLAÇÃO DA CESTA BÁSICA NACIONAL EM LONDRINA


À despeito de vários autores das hostes econômicas apontarem para um crescimento do poder de compra do salário mínimo nacional em função de reajustes praticados acima da inflação e, considerando que o salário mínimo precisa dar conta de atender as necessidades básicas do assalariado e de sua família, com moradia, alimentação, educação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e previdência social, faltam pesquisas que apontem qual o ganho obtido em relação a cada um destes itens. Artigo completo