27 de julho 2020


Pesquisa mensal realizada pela UTFPR em parceria com o SINDIMETAL Norte revela que o nível de Utilização da Capacidade Instalada – UCI da Industria Eletro Metalmecânica está acima da média dos últimos 3 anos, deixando antever que o setor pode se recuperar mais rapidamente do que as previsões iniciais, apesar dos sinais desencontrados apresentados por outros indicadores.

Índice de UCI...

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada – UCI é um índice que mede o nível de atividade da indústria e é obtido pela relação entre o volume efetivamente produzido pela indústria (ou unidade industrial) e o que poderia ser produzido - se o equipamento estivesse operando a plena capacidade.

... é um forte sinalizador...

Essa métrica é um indicador econômico chave para se conhecer a dinâmica com que a indústria está operando e uma baixa taxa de UCI é motivo de preocupação tanto para os empresários, como trabalhadores e gestores públicos.

... das condições econômicas. 

Baixos níveis de UCI, significam existência de equipamentos que geram custos, desempregam trabalhadores e inibem a arrecadação de impostos. Já quando a UCI está em alta, é uma sinalização de recuperação econômica, absorção de mão-de-obra e mais recursos para o Estado.

A pesquisa no Brasil...

O índice nacional de UCI é calculado mensalmente pela Confederação Nacional da Indústria - CNI e pela Fundação Getúlio Vargas, por meio de questionários enviados às empresas, que respondem se estão produzindo trabalhando intensamente ou se parte das máquinas está parada.

... e em Londrina

Na nossa cidade esta Sondagem Mensal é realizada pela UTFPR em parceria com o SINDIMETAL Norte envolvendo a Industria Eletro Metalmecânica que colhe os dados das empresas por meio de um questionário que arguiu sobre o desempenho do mês anterior.

O resultado de junho...

O resultado do mês de junho divulgado no último dia 23 apontou que o setor em Londrina está operando a 80% de sua capacidade instalada. Já o resultado nacional aponta para uma média de UCI de 62%, também com vetor positivo.

... melhor que maio.

O mês anterior sinalizava início de uma retomada da indústria. Depois das quedas em março e abril, quando a UCI nacional ficou em 49% e Londrina em 52%, menores resultados da série histórica, maio deu sinais de recuperação respectivamente com 55% e 75% de ocupação da planta produtiva.

Ocupação da mão-de-obra...

Ainda é cedo para dizer que a indústria iniciará a contratação de mais mão-de-obra, mas a sondagem indica que os trabalhadores com contrato suspenso e com jornada reduzida já deixaram esta condição.

... e baixo estoque...

Os estoques de produtos acabados estão abaixo daqueles do mês anterior e abaixo do que estava planejado para o mês. 

... sinaliza um agosto ainda melhor.

Todos estes indicadores permitem adiantar que o mês de agosto será ainda melhor pela necessidade de adequar os níveis de estoque e manter o atendimento à demanda.

Mas exigindo cautela.

É necessário aguardar o comportamento da economia como um todo pois esta demanda inicial pode ser fruto de um represamento decorrente da pandemia, e ainda paira sobre nossas cabeças o perigo de uma segunda onda da Covid-19.