18 de janeiro de 2021


Não é novidade minha defesa em prol de atividades que tragam dinheiro novo para nossa cidade. Neste quesito Industria e Turismo são imbatíveis. 

Defendo aqui duas obras estruturantes com capacidade de atrair e reter turistas, ao mesmo tempo que valorizam e respeitam o meio ambiente e atendem a necessidade de espaços públicos exigidos pelo adensamento do perímetro urbano e necessidade de mobilidade.    

O Turismo ... 

A atividade turística é uma das mais importantes no setor econômico e da geração de emprego e renda. Na França o turismo é responsável por 10% de seu PIB; 13% na Itália e 15% na Espanha. No Brasil algo como 3,7%. 

... como atrator de dinheiro novo.

Enquanto a indústria de transformação injeta dinheiro novo na economia utilizando os fatores de produção local e vendendo para fora, o turismo faz a injeção de novos recursos atraindo as pessoas que gastarão aqui.

Turismo médico...

Temos um potencial enorme para o turismo médico, pela qualidade e diversidade de especialidades e preços competitivos, seja em cardiologia, oncologia, gastroenterologia, cirurgia plástica e tratamentos odontológicos, para citar alguns. 

... turismo de negócios e eventos ...

Termos 1 Universidade Federal, 1 Universidade Estadual, 2 Universidades Confessionais, 1 Universidade Pública, outras 9 faculdades, 1 Instituto Estadual e um Instituto Nacional de Pesquisas Agropecuárias. Congressos e Meetings estão, portanto, no nosso cardápio

... turismo cultural, rural, gastronômico e religioso.

Festival de música, de Teatro, Expo Londrina, nossos restaurantes com uma gastronomia variada e de alta qualidade fazem parte do nosso potencial atrativo e se somam a nossa vocação para o turismo rural e um roteiro de santuários católicos fomentando o turismo religioso.

Um passo adiante.

Temos que avançar na promoção destas peculiaridades turísticas que caracterizam nossa cidade e ao mesmo tempo construir atrativos que o retenham por mais dias ao mesmo tempo que contribuam para aumentar a qualidade de vida do Londrinense.

Um promenade ampliado ...

Privilegiar as pessoas em detrimento aos carros. A primeira proposta é ampliar o calçadão para incorporar o quadrilátero formado pelas Ruas Pará, Prof. João Candido, Sergipe e Mato Grosso/Souza Naves.

... com estacionamento subterrâneo ... 

Retira-se as vagas de estacionamento neste entorno, garantindo a fluidez do trânsito e constrói-se estacionamento subterrâneo, abaixo da área do bosque, praça dos Pioneiros e praça 7 de setembro, com escadas no sentido da catedral. Com esse desenho a interligação das ruas Pará, João Cândido e Souza Naves será feita também pelo subsolo.

... revitaliza a área central.

Esta obra atende os objetivos de integrar nossos espaços culturais, privilegia o meio ambiente, dá nova dinâmica ao comércio central, atrai o visitante e entrega ao munícipe um gigante playground

Parque Linear Lago Igapó ... 

A segunda sugestão é integrar o Ribeirão do Cambé, na altura da Rua Ana Porcina de Almeida com os 4 lagos Igapó até o Jardim botânico revitalizando todo o vale do córrego Tucanos e contemplando uma ligação com o parque Arthur Thomas pelo vale entre a Duque de Caxias e Dez de Dezembro, hoje transformada em uma enorme favela.

... com investimentos na transposição ...

Esta integração exige a construção de viadutos na Higienópolis  e Ayrton Sena, trincheira na Duque de Caxias e passagens elevadas nas demais vias formando o maior parque urbano linear do Brasil.

... cria valor inestimável. 

Este enorme logradouro já será uma atração por si só, dá espaço a um sem número de formas de utilização, valoriza toda a área de seu entorno e garante a utilização ambientalmente correta das áreas de preservação.

Dr. Marcos J. G. Rambalducci, Economista, é Professor da UTFPR. Escreve às segundas-feiras.